Jesi

JESI

Fundada pelos umbros na parte baixa do vale Esino, Jesi foi conquistada pelos etruscos e logo após pelos Galli Senoni, vindos da França chegando na península itálaca no l V sec. a.C., sendo a Senigallia a capital deste povo.

No entanto, 295 a.C. foi a data que marcou o final da autonomia dos povos itálicos, que com a batalha do Sentino passaram sob o poder de Roma. Jesi torna-se assim, municipium romanum tendo a sua estrutura urbana ainda visível atualmente (as muralhas medievais, de fato, se inseriam no perímetro das estradas romanas).
Depois do final do Império a cidade testemunhou, assim como em outras tantas cidades, destruições e saques por parte dos povos invasores, desde a luta entre os ostrogodos e bizantinos e a vinda dos francos, que marcaram o final do Reino Longobardo na Itália.
Entre o VIII e o X a presença e o operado dos monges beneditinos foi de grande importância, pois construíram abadias no território das Marche.
Em 999, o imperador Ottone III devolveu Jesi ao domínio da Igreja.
Em 1130, Jesi torna-se município livre passando por uma fase de desenvolvimento comercial e arquitetônica com a construção dos monumentos mais importantes da cidade e a fortificação do burgo medieval.
Em 1194, nasce em Jesi uma figura única no panorama político e histórico da época: o imperador Federico II da Svevia, conhecido como Stupor Mundi.
Assim como em outras cidades daquele período, os ideais de município não obtiveram sucesso e se instalaram as poderosas famílias feudais: Malatesta, Braccio da Montone e Sforza, os quais a cederam à Igreja em 1447 e que a controlerá até 1797, ano da entrata das tropas napoleônicas na cidade. Em 1808 foi anexada ao Reino de Napoli permanecendo até 15 de setembro de 1860, dia o qual os soldados entraram em Jesi anexando- a ao Reino da Itália.

Muitas são as pérolas artísticas de Jesi que se conservam no seu aspecto medieval, circundada de altas muralhas sobre as quais se notam as grandes torres Montirozzo (1400), símbolo da cidade: o Duomo de San Settimio (XII-XIV sec.) e a igreja gótica de San Marco (1200), os Palácios del Podestà e do Município (XII sec.), o Palácio della Signoria (1400) e as obras de arte rococò como Palácio Pianetti (metade do 1700) que hoje hospeda a Pinacoteca Comunale que conserva obras de arte do pintor veneziano Lorenzo Lotto, que ali trabalhou na segunda metade do 1400.

JESI
cidade da arte

Região Marche em Italia
Piazza Federico II - Jesi
PIAZZA FEDERICO II

Jesi
PALAZZO

Jesi
TORRE CIVICA

 

Guia da cidade
perfil artístico
museus

 

Cidades em Marche
Ancona
Ascoli Piceno
Macerata
Pesaro
Urbino
Outras cidades da arte
Camerino
Castelfidardo
Cingoli
Civitanova Marche
Fabriano
Falconara
Fano
Fermo
Genga
Gradara
Grottammare
Jesi
Loreto
Mogliano
Montefano
Montegiorgio
Montelupone
Moresco
Numana
Offida
Osimo
Potenza Picena
Recanati
San Leo
San Severino Marche
Sarnano
Senigallia
Sirolo
Tolentino
Treia
Torre San Patrizio
Visso

In Italy Today
As guias de Italia
> as cidades da arte
> lista completa
> as regiões da Italia
Eventos e exposiçãoes
Hotel e B&B

 


LINK DE ARTE Y VIAJE - SITIOS WEB SELECCIONADOS

  • Your ArtTravelSite - http://www.yoursite.com
    Description of web site.
  • ... insert you link!

 


Vuoi inserire un LINK?
Hai un HOTEL o un'altra attività legata al TURISMO IN ITALIA?

Promuovilo nella pagina della tua città dentro IN ITALY TODAY!
OFFERTE PROMOZIONALI PER I PRIMI LINK

Art Travel directory

SUGIERE UN SITIO-VIAJES

 

In Italy Today ama a arte

© IN ITALY HOTELS NETWORK