BISCEGLIE

Ao longo da costa adriática, cercada de baías com águas cristalinas, Bisceglie conserva o seu patrimônio arquitetônico para o visitante mais atencioso.

A zona era já povoada desde a antiguidade como comprovam os achados pré-históricos realizados na gruta de Santa Croce (7 km do centro) e do Dolmen della Chianca (XVI- XV a.C.), situado a mais ou menos 5 km de Bisceglie.
A origem do nome se coliga com o latim Vigiliae, que se entende como lugar de vigilância, pois na época romana a sua costa era facilmente ancorada por navios vindos de todo o Mediterrâneo e, portanto a zona deveria ser munida de torres de avistamento.
O nascimento de Bisceglie deu-se na época longobarda como primeiro burgo que se formou ao lungo da costa; era um burgo de agricultores que se dedicavam também à pesca.
Mais tarde, Bisceglie apareceu em um documento de 1063 como pequeno burgo fortificado sob a jurisdição do normando Pietro I, o qual parece que a impossessou em 1054.
Em 1063 torna-se cede episcopal e, onze anos mais tarde, foi edificada a Catedral de S. Pietro em estilo normando. Do ano sucessivo foi a construção da igreja de Sant’Adoneo; enquanto ao período normando, e logo svevo, este foi caracterizado por um grande desenvolvimento econômico ligado à vocação marinheira de Bisceglie que afirmou pactos com Amalfi e as cidades da costa dálmata.
Em 1222, o imperador Federico II iniciou a costrução do Castelo e fez completar a torre maestra atualmente conhecida como Torre Normanna.
No mesmo século os Angioinos vieram à Itália convocados pelo papa Clemente IV e se inseriram na luta civil entre guibelinos e guelfos. Em 1266, com a derrota do filho Federico II Manfredi, Bisceglie passou sob a dominação francesa, sendo então confiada até o 1300 à família dos Monfort, escolhida depois dos Angioinos. Logo foi a família Falcone a dominar a vida pública da cidade a qual permaneceu da parte dos Angioinos merecendo o título de Fidelíssima.
Todo o 1300 foi repleto de confrontos entre os quais o mais famoso foi certamente aquele entre Luigi I d’Angiò e Carlo III de Durazzo. Ambos reconhecidos como herdeiros da rainha Giovanna I de Napoli e ambos da dinastia angioina, se confrontaram em Bisceglie onde morreu Luigi sendo ele enterrado na Igreja de San Ludovico, reconstruída com o nome de San Luigi.
Em 1443, Alfonso d’Aragona expulsou os Angioinos de Napoli depois de 6 meses de um longo assédio e, iniciou a conquista da Puglia encontrando não poucas resistências com algumas cidades fiéis aos Angioinos, entre as quais se destinguiu Bisceglie.
Uma vez confiado o feudo aos Orsini Del Balzo, esses se revoltaram chamando novamente Giovanni d’Angiò de Calabria e iniciando um novo conflito, até o 1462 quando o rei Ferdinando d’Aragona e os Del Balzo Orsini siglaram um acordo vantajoso para a cidade que voltou às maos de Francesco II Del Balzo Orsini o qual iniciou a construção das novas muralhas e o restaura da cidade.
O filho Pirro, todavia, foi contra os regentes perdendo o feudo que tornou um marquesado às dependências de Francesco. Em 1498 Bisceglie foi dote de Alfonso d’Aragona no casamento de Lucrezia Borgia, filha de Papa Alessandro VI.
O confronto com os franceses e espanhóis prosseguiu até 1513 quando permaneceram os Aragona, os quais reinaram por cerca dois séculos atè a vinda dos Borboni. Bisceglie, excluindo a pausa republicana de Giocchino Murat (1808-15), permaneceu sob a influência borbonica até a sua unificação ao Reino da Itália (1860).

Muitas as metas culturais em Bisceglie, partindo já da sua Catedral, passando pelas suas Igrejas de S. Domenico (XII sec.), S.Matteo (1090), S.Giovanni in Castro, S.Luigi ('500) e a Igreja de S.Margherita (final XII sec.).
O Castelo Svevo domina o centro histórico enriquecido pela presença de numerosos palácios nobres.

BISCEGLIE
cidade da arte

Região Apulia em Italia

 

Guia da cidade
perfil artístico

 

Cidades em Apúlia
Bari
Andria
Barletta
Brindisi
Foggia
Lecce
Taranto
Trani
Outras cidades da arte
Acaya
Alberobello
Alezio
Altamura
Ascoli Satriano
Bisceglie
Bitonto
Bovino
Calimera
Canosa
Casarano
Castel del Monte
Castellaneta
Ceglie Messapica
Cerignola
Cisternino
Conversano
Copertino
Cutrofiano

Francavilla Fontana

Galatina
Gallipoli
Gioia del Colle
Giovinazzo
Gravina
Grottaglie
Isole Tremiti
Locorotondo
Lucera
Maglie
Manduria
Manfredonia
Martano
Martina Franca
Massafra
Melendugno
Melpignano
Mesagne
Modugno
Molfetta
Monopoli
Monte Sant'Angelo
Nardò
Ostuni
Otranto
Parabita
Peschici
Poggiardo
Polignano a Mare
Putignano
Ruvo di Puglia
San Ferdinando di Puglia
San Vito dei Normanni
San Severo
Specchia
Terlizzi
Tricase
Troia
Ugento
Vico del Gargano
Vieste
Sitios Arqueológicos
Egnazia
Ordona (Herdonia)
Oria
Siponto

In Italy Today
As guias de Italia
> as cidades da arte
> lista completa
> as regiões da Italia
Eventos e exposiçãoes
Hotel e B&B

 


LINK DE ARTE Y VIAJE - SITIOS WEB SELECCIONADOS

  • Your ArtTravelSite - http://www.yoursite.com
    Description of web site.
  • ... insert you link!

 


Vuoi inserire un LINK?
Hai un HOTEL o un'altra attività legata al TURISMO IN ITALIA?

Promuovilo nella pagina della tua città dentro IN ITALY TODAY!
OFFERTE PROMOZIONALI PER I PRIMI LINK

Art Travel directory

SUGIERE UN SITIO-VIAJES

 

In Italy Today ama a arte

© IN ITALY HOTELS NETWORK